Novo ministro da Saúde é coop

Desde o dia 2 de janeiro, o Ministério da Saúde está sob o comando de Luiz Henrique Mandetta, que conhece de perto o cooperativismo e seu papel enquanto ferramenta de transformação de realidades.

O ministro tem um histórico junto ao Sistema Unimed. Ao longo de sua carreira, além de atuar como médico cooperado, também teve a oportunidade de presidir a Unimed de Campo Grande, onde conheceu a força da cooperação.

Durante a cerimônia de sua posse, ocorrida na quarta-feira (2/1), em Brasília, além de fazer anúncios importantes, ele reconheceu, publicamente, a atuação da Organização da Cooperativas Brasileiras (OCB). “Vai aqui o meu respeito à OCB e a todos aqueles que militam no cooperativismo como forma de realização. Não do eu, não do você, mas do nosso como instrumento de construção coletiva para a execução de inúmeras frentes”, discursou.

Em outro trecho de seu discurso, o ministro Mandetta frisou, também, que tem a intenção de escrever “juntos” uma nova página na saúde pública brasileira. Além disso, ele destacou, ainda, que: a “saúde é um direito de todos e dever do Estado”, não haverá “retrocesso” e cumprirá a Constituição Federal.

CONFIRA

Clique aqui para acessar o discurso do novo ministro da Saúde.

Fonte: Somos Cooperativismo

Bruno Oliveira

Bruno Oliveira

Analista de Comunicação do Sistema OCB/RJ. Formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte, MBA em Marketing e Comunicação Empresarial e em Comunicação e Marketing em Mídias Digitais.