Começa o Programa de Formação de Agentes de Inovação

O Sistema OCB/RJ e o Instituto Superior de Administração e Economia do Mercosul (ISAE) iniciaram na noite de hoje (9/2) o Programa de Formação de Agentes de Inovação.

A iniciativa terá duração de 256h/aula e visa fomentar e disseminar o conhecimento e a cultura de inovação no ambiente das cooperativas. Ao todo, participam 25 alunos, entre cooperados e funcionários de cooperativas do estado do Rio de Janeiro e colaboradores do Sistema OCB/RJ.

A aula inaugural contou com o superintendente do Sistema OCB/RJ, Abdul Nasser, e com representantes do ISAE, o coordenador Thiago Martins e o gerente de educação Kléberson Rodrigues.

Segundo Abdul Nasser, o mundo não está em uma era de mudança, mas, sim, numa mudança de era, em que a inovação se faz necessária para se realizar novos negócios e obter diferencial competitivo. Ele acrescentou que vê no Programa de Formação de Agentes de Inovação uma possibilidade real de conseguir com que lideranças do cooperativismo fluminense componham um futuro comitê para pensar o desenvolvimento do cooperativismo.

De acordo com Kléberson Rodrigues, o ISAE traz em sua essência a governança, a inovação e a sustentabilidade, pilares que permeiam a missão de inspirar as pessoas. Ele disse que a experiência de participar do Programa de Formação de Agentes de Inovação vai impactar de forma positiva todos os processos das cooperativas. Por fim, citou o poeta Guimarães Rosa: “Quem elegeu a busca não pode recusar a  travessia”.

Em seguida, o Mestre em Inovação, Direito Econômico, Estratégia Empresarial & Risk Management, Sérgio Itamar, fez uma palestra em que abordou as novas tecnologias – Inteligência Artificial, Engenharia Genética e Computação Quântica – e sua evolução. O professor também ressaltou que a inovação, atualmente, é uma questão de sobrevivência e destacou o lado humano nesse processo.

“Pessoas são a origem e o destino da inovação. Se você quer uma empresa inovadora, comece a cuidar de pessoas, qualificá-las e dar voz a elas.”, recomendou.

PROGRAMA DE FORMAÇÃO DE AGENTES DE INOVAÇÃO

Desenvolvido pelo “Instituto Superior de Administração e Economia do Mercosul “– ISAE, o Programa de Formação de Agentes de Inovação oferecerá um olhar inovador sobre os modelos de gestão, formando líderes responsáveis, atentos a questões como a sustentabilidade corporativa e a ética nas relações.

O Programa permitirá que o participante possa explorar oportunidades, por meio do acesso a uma ferramenta de aprendizado global, sendo fornecido um programa em plataforma.

Dentre os pilares da iniciativa, estão:

– Desenvolver e potencializar as competências técnicas e comportamentais dos participantes, na formação dos autênticos agentes de inovação;

– Estimular a criatividade e aprendizagem de ferramentas que subsidiam a implementação de técnicas e metodologias inovadoras em diversas áreas das cooperativas;

– Fomentar o trabalho colaborativo e a “genialidade coletiva” entre equipes interdisciplinares e multigeracionais, no intuito de gerar inquietação, transformar o mindset e desafiar o status quo dos participantes e;

– Promover uma compreensão sistêmica da gestão da inovação, para criação de um programa de inovação da cooperativa, gerando soluções inteligentes e gerenciando pessoas e projetos em ambientes favoráveis à inovação.

TRILHAS DO CONHECIMENTO

O Programa de Formação de Agentes de Inovação é composto de quatro etapas, sendo elas: Diagnóstico; Formação dos Agentes na Trilha Comum; Formação dos Agentes em Trilhas Específicas (de Inovação ou de Transformação), e, por fim, a etapa de Aplicação e Multiplicação.

 

Bruno Oliveira

Bruno Oliveira

Analista de Comunicação do Sistema OCB/RJ. Formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte, MBA em Marketing e Comunicação Empresarial e em Comunicação e Marketing em Mídias Digitais.