Exemplo que vem do cooperativismo: Coagro doa 10 mil litros de álcool 70% a unidades de saúde de Campos dos Goytacazes

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no print

O 7º Princípio Cooperativista, o Interesse pela Comunidade, diz que é papel das cooperativas contribuírem para o desenvolvimento sustentável dos locais onde atuam, seja de forma econômica ou social. E neste tempo de crise causada pelo coronavírus, podemos perceber ainda mais como o cooperativismo se mostra além de um modelo econômico, e sim uma filosofia de vida que valoriza as pessoas.

Um exemplo que reforça este pensamento vem da Cooperativa Agroindustrial do Estado do Rio de Janeiro (Coagro), localizada em Campos dos Goytacazes, e que doou hoje à prefeitura do município 10 mil litros de etanol, que foram processados na própria usina da cooperativa e transformados em álcool 70%. O produto será distribuído a hospitais públicos e filantrópicos da cidade.

A ação mereceu destaque no telejornal Bom Dia Rio, da TV Globo. Assista aqui à matéria.

Na ocasião, o presidente da Coagro, Frederico Paes, disse que esta foi a forma encontrada pela instituição para contribuir neste período em que mais do que nunca, a cooperação é necessária. Ele também reforçou que uma nova remessa poderá ser feita.

“ Estamos buscando parcerias também com outras indústrias para transformar mais. Importante a população saber que esse álcool é diferente do que é comercializado em posto de combustível. Todo o transporte e armazenamento dele é diferente e altamente esterilizado”, disse.

O prefeito de Campos dos Goytacazes, Rafael Diniz, destacou a importância da atitude da usina nesse momento de pandemia do novo coronavírus.

 “A gente tem muito a agradecer a grande ajuda da Coagro. Em uma época em que todos os municípios estão passando por dificuldade para conseguir os materiais de proteção, Campos está conseguindo garantir até agora todos os EPIs necessários para os nossos profissionais e consequentemente o melhor e mais seguro atendimento a nossa população”.

Bruno Oliveira

Bruno Oliveira

Analista de Comunicação do Sistema OCB/RJ. Formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte, MBA em Marketing e Comunicação Empresarial e em Comunicação e Marketing em Mídias Digitais.

Você também pode gostar de: