Ilustração_Censo_1
 
 
 

Chegou o Censo 2022 do Cooperativismo do estado do Rio de Janeiro 2022 e contamos com a participação da sua cooperativa. 

 O objetivo é coletar dados e informações para a construção do Anuário 2022 do Cooperativismo do estado do Rio de Janeiro, a fim de demonstrar a expressividade, o tamanho e a força do nosso modelo de negócios.

 

O material também servirá de base para implementar uma série de ações que gerem oportunidades de negócios às cooperativas de todos os ramos, com base em informações econômicas e financeiras, sobre os seus mercados de atuação, cenários e tendências, e  será disponibilizando para cooperativas, imprensa, academia e organismos públicos.

Vamos criar, juntos ,soluções mais efetivas em prol do nosso setor, visando construir um Rio Mais Coop!

Prazo prorrogado até o dia 10 de junho
Ilustração_Censo_2
O CENSO COOPERATIVISTA

O censo tem como objetivo atualizar as informações das cooperativas fluminenses para o fortalecimento da defesa e da representação do Sistema Cooperativista, além da apresentação de soluções de desenvolvimentos organizacional e humano adequados à realidade das cooperativas.

A colaboração das cooperativas é muito importante para as ações de avanço do cooperativismo fluminense.

As informações aqui levantadas irão nortear medidas estratégicas do Sistema OCB/RJ-Sescoop/ RJ para melhores ofertas de soluções. O Sistema OCB/RJ-Sescoop/RJ busca fortalecer o cooperativismo do estado do Rio de Janeiro a cada dia, defendendo seus interesses junto aos Três Poderes, desenvolvendo ações de profissionalização tanto da governança quanto da gestão das cooperativas e, ainda, contribuindo com a inserção delas no mercado, dentro e fora do estado. 

OBS: Recomendamos que o preenchimento seja feito pelo (a) Presidente ou por uma pessoa nomeada que será o agente de relacionamento com o sistema (ADECOOP)./RJ

O Anuário do Cooperativismo

O Sistema OCB/RJ lançou em 2021 o 1º Anuário do Cooperativismo do Estado do Rio de Janeiro. O documento foi elaborado para dar visibilidade à força e à relevância socioeconômica do cooperativismo fluminense, e foi disponibilizado para as cooperativas, imprensa, academia e organismos públicos, permitindo projetar estratégias para o fortalecimento do setor cooperativista.

A publicação trouxe o panorama de cada ramo do cooperativismo fluminense, com números relativos a cooperativas, cooperados, faturamento anual, participação por gênero, capital social, ativo total, ativo imobilizado, patrimônio líquido, sobra dos exercícios, arrecadação de impostos e participação no PIB (Produto Interno Bruto) no estado do Rio de Janeiro. A amostra foi composta por cooperativas que voluntariamente responderam aos instrumentos de pesquisa aplicados de forma digital.

O documento também destacou as 10 maiores cooperativas do estado do Rio de Janeiro em categorias como: Antigas, Número de Cooperados, Sobras, Faturamento, Empregadoras, Participação Feminina, Público Jovem, Pagamento Referente à Produção dos Cooperados, Retorno (Faturamento x Produção) e Intercooperação e contribuiu para a Premiação 10 Mais Coop, ocorrida em Dezembro de 2021 na 1ª Conferência Rio Mais Coop de Empreendedorismo Cooperativo.

Além disso, o Anuário apresentou um resumo do cooperativismo em território nacional, baseado nos números apresentados pelo Anuário do Cooperativismo Brasileiro, edição lançada em 2020 pelo Sistema OCB.

Anuáro 2021 do Cooperativismo Fluminense – Ano Base 2020

Clique para leitura.

E em 2022 tem mais. A 2º edição do Anuário do Cooperativismo Fluminense será publicada em breve.

Painel do Cooperativismo Fluminense

Veja também

Saiba mais sobre o Cooperativismo em nosso país com nossa Unidade Nacional. Clique aqui.