Cerimônia de posse da Gestão de Inovação lota Câmara Municipal do Rio de Janeiro

Um momento que ficará guardado na memória dos cooperativistas do Rio de Janeiro. Assim foi a cerimônia de posse da nova gestão do Sistema OCB/Sescoop-RJ, que ficará à frente da instituição pelos próximos quatro anos. Realizada no dia 19 de junho, na Câmara Municipal do Rio de Janeiro, a solenidade também contou com o lançamento da Frente Parlamentar Municipal do Cooperativismo (Frencoop Carioca) e reuniu autoridades das mais diversas esferas de poder.

Clique aqui e veja a galeria de fotos

Veja depoimentos de dirigentes de cooperativas sobre a nova fase do segmento no Rio de Janeiro

Durante as mais de três horas de solenidade – finalizada com um coquetel – dirigentes cooperativistas celebraram a nova fase do cooperativismo fluminense,  ratificada pelo presidente do Sistema OCB/Sescoop-RJ, Vinicius Mesquita, que recebeu a Medalha do Mérito Pedro Ernesto, por seu trabalho realizado no cooperativismo e o exemplo dado a gerações futuras.

“A primeira questão que tenho a dizer é que o cooperativismo tem tudo para dar certo, pois existe o compromisso de toda a instituição em promover um modelo econômico mais profissionalizado e eficaz, mas sem esquecer de sua essência, que é o pensar no próximo”, afirmou Mesquita.

Ainda durante sua fala, o presidente do Sistema falou da missão que terá à frente da instituição. “Se não fosse pelo cooperativismo, não estaria nesta solenidade. Foi esse modelo econômico que possibilitou a minha formação profissional, educar minha filha e pagar os estudos de minha esposa. O cooperativismo é um instrumento de transformação social e quero levar isso para todo do Rio de Janeiro, sendo uma solução para as famílias e o desenvolvimento igualitário”, comentou.

O superintendente do Sescoop/RJ, Rafael Garbois, em seu pronunciamento, destacou o olhar mais humanizado que a instituição terá.

“O cooperativismo é um conjunto de pessoas em prol de um objetivo em comum, entre elas o bem-estar e a felicidade. E nós, da Gestão de Inovação, somos apaixonados por pessoas e desde que assumimos temos trabalhado com transparência, proximidade, sem vaidades. Tenho a convicção de que podemos cooperar de verdade, pois muito mais do que ser feliz, cooperar é praticar o bem”.


 
Frencoop Carioca
Criado com o objetivo de promover um diálogo mais próximo com as cooperativas da cidade do Rio de Janeiro, e composto por 37 vereadores, a Frente Parlamentar Municipal do Cooperativismo (Frencoop Carioca) foi apresentada ao público cooperativista, que compareceu em grande número e lotou as galerias da Casa Legislativa.

Segundo o presidente da Câmara e da Frencoop Carioca, o vereador Jorge Felippe, a Frente também avaliará demandas do setor e fiscalizará o Poder Executivo quanto à implementação de uma política municipal de cooperativismo.

“Este segmento tem sido a mola propulsora de desenvolvimento e crescimento do país e na cidade do Rio de Janeiro isso não é diferente. Por isso, é importante trabalhar para esse modelo econômico e, por conseguinte, fazer que o município se desenvolva, trazendo justiça social e dignidade para a nossa população”, comentou.

Também participaram da cerimônia os deputados estaduais Paulo Ramos, Jorge Felippe Neto e Wanderson Nogueira. E representando o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil no Estado do Rio de Janeiro (OAB/RJ), Felipe Santa Cruz, compareceu o presidente da Comissão Especial de Direito Cooperativo (CEDC), Ronaldo Gaudio).

Reportagem: Richard Hollanda – Comunicação Sistema OCB/RJ

Richard Hollanda

Richard Hollanda

Analista de Comunicação e Tecnologia do Sistema OCB/RJ. Graduado em Jornalismo pela Universidade Veiga de Almeida (UVA) e pós-graduado em Administração em Marketing e Comunicação Empresarial pela UVA.