Sistema OCB/RJ apresenta Dia C 2021 às cooperativas fluminenses

Com o propósito de transformar desafios em esperança, o Sistema OCB/RJ realizou hoje (6/5) o Lançamento Estadual do Dia de Cooperar 2021. A atividade ocorreu em formato on-line e foi destinada às cooperativas fluminenses. Clique aqui e assista na íntegra.

Na abertura, o presidente Vinicius Mesquita reforçou que o Movimento Dia de Cooperar une as ações de solidariedade das cooperativas brasileiras e faz o nosso interesse pela comunidade ir além. Destacou também que o Dia C é a essência do cooperativismo, “por valorizar e cuidar das pessoas utilizando-se de atitudes simples que podem mudar o futuro de muita gente”.

Novidades

A analista de Promoção Social do Sescoop/RJ, Camila Feitosa, anunciou novidades no sistema de inscrição das cooperativas no site do Dia C. “A Unidade Nacional simplificou este processo  para agilizar o preenchimento das iniciativas no Sistema. Todas as modificações realizadas estão de acordo com as necessidades previstas pelas unidades estaduais”, informou Camila, que ao longo da apresentação enfatizou a necessidade de as cooperativas promoverem ações contínuas e que envolvam a intercooperação.

Comunicação

As peças de divulgação do Dia C 2021 bem como as orientações para que as cooperativas façam o download dos materiais foram detalhadas pelo analista de Comunicação do Sescoop/RJ, Richard Hollanda. Ele destacou que as identidades visuais deste ano foram construídas como foco na valorização humana, utilizando imagens de ações e celebrações Brasil afora.

Clique para fazer o download das peças do Dia C 2021

Cases de Sucesso

Representando a Central Sicredi, que abrange os estados do Paraná, São Paulo e Rio de Janeiro, a assessora de desenvolvimento do Cooperativismo,  Alyne Lemes, falou das ações solidárias de voluntariado realizadas pela instituição durante a pandemia. Ela citou que em 2020  as cooperativas singulares associadas à Central promoveram, ao todo, 1033 ações em 19 estados, contemplando 612 municípios e beneficiando mais de 4 milhoes de pessoas.

A coordenadora de projetos da Cooperativa de Bibliotecários (Datacoop), Guilma Viruez,  apresentou o Projeto “Biblioterapia em Tempos de Pandemia”, que é realizado pela Datacoop e contemplado em patrocínio do Governo Federal, Governo do Estado do Rio de Janeiro, Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, por meio da Lei Aldir Blanc. (Lei Federal nº 14.017/2020). A ideia consiste em métodos de tratamento no alívio dos sintomas da ansiedade e depressão por meio da leitura.

“Com a biblioterapia é possível compreender os desafios pessoais que você está passando e desenvolver estratégias para lidar com isso. Pode ser também uma ótima alternativa para promover a resolução de problemas e a autoconsciência”, explicou Guilma.

E coube à analista de sustentabilidade da Unimed Federação Rio, Juliana Condis, explicar o Programa de Voluntariado Ser Envolvido, que há mais de 10 anos tem atividades fixas e extraordinárias de voluntariado desempenhadas pelos colaboradores da Federação, ligadas a doações de sangue e reciclagem e atividades desempenhadas no dia das crianças e no Natal.

Números

Em 2020, mais de 7,8 milhões de pessoas foram beneficiadas com as mais de 2,8 mil iniciativas e ações realizadas por 2.226 cooperativas e seus mais de 137 mil voluntários. Se considerarmos as ações focadas no combate ao coronavírus, bem como à redução dos efeitos da covid-19, o total realizado no ano passado foi 2.159. Ao todo, 1.383 municípios brasileiros registraram a força do voluntariado cooperativista.

Bruno Oliveira

Bruno Oliveira

Analista de Comunicação do Sistema OCB/RJ. Formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte, MBA em Marketing e Comunicação Empresarial e em Comunicação e Marketing em Mídias Digitais.